18 abril, 2011

Shinya Shokudo


Shinya Shokudo conta histórias dos clientes de um pequeno e peculiar restaurante que fica aberto só durante a noite (da meia-noite até às sete da manhã) e não tem menu já que sua proposta é servir, desde que seja possível, qualquer coisa que o cliente pedir. Cada episódio (que, diferente da maioria dos doramas, tem apenas 25 minutos de duração) se foca em um cliente diferente, tendo assim sempre uma história fechada. E os tipos que frequentam o local são muito interessantes, pois quem que vai de madrugada num restaurante? Pessoas com estilo de vida alternativo e noturno, sendo assim temos yakuzas, um senhor gay e um transsexual donos de bares gays que ficam nos arredores do restaurante, artistas, uma stripper, um ator pornô e temos tb alguns salary men, OLs e uma mãe solteira que trabalha de noite num bar, entre outros... tipos bem diferentes que no fim se dão bem e compartilham histórias de vida. Temos histórias de amor, de relacionamento entre pais e filhos, de reencontros, de busca pela realização de sonhos e lógicamente, de amizade. Mas não importa qual seja o enfoque, achei a maioria das histórias muito singelas e tocantes, que bem como as coisas da vida, às vezes têm final feliz e outras vezes nem tanto.
O engraçado é que ficamos conhecendo muito bem os clientes, mas sobre o dono do restaurante ficamos sem saber quase nada, nem mesmo seu nome, já que ele é sempre só chamado de "Master". Ele tá sempre com aquele jeito tranquilão, fumando seu cigarrinho, ouvindo os causos alheios e dando apoio para aquele pessoal que em sua maioria é bem solitário. Apesar de sério ele faz o estilo de tiozão bonzinho. Mas se pararmos pra pensar, ele é bem fofoqueiro, pois as pessoas contam os causos pra ele, e ele conta pra nós! hahahaha XD

Comidas apresentadas no dorama. Coisas simples mas que dão água da boca! *_*

As comidas têm papel importante tb, já que em boa parte dos casos as pessoas pedem coisas que têm a ver com sua história. Comidas que marcaram a infância ou momentos felizes, esse tipo de coisa. Por isso os pratos apresentados eram todos muito simples, a maioria era arroz com alguma coisa, mas dava muita vontade comer! Eu fiquei com vontade em especial daquele nekomanma (tem esse nome pois pelo jeito eles dão isso pra gato comer), que é bem simples, só arroz com raspas de peixe seco por cima e shoyo... mas parecia tão gostoso!!!
Só sei que fiquei comovida com os personagens e suas histórias e me deu uma vontade danada de ir naquele restaurante que parecia tão aconchegante. Se bem que talvez eu não gostasse tanto pois era permitido fumar lá dentro e o próprio dono parecia uma chaminé! Eca!

Shinya Shokudo é adaptação de um mangá seinen que já tem 7 volumes e que eu nunca li e certamente nunca lerei pois não há scanlations, mas fiquei muito curiosa sobre ele. Aliás, nem acredito que esse dorama tenha sido legendado! Foi muita sorte, portanto aproveitem para ver um dorama diferente, simpático, um tiquinho melancólico e bastante heartwarming. ^__^

PS: A música de encerramento é muito legal, quem quiser ouví-la pode ver o clipe no youtube.

5 comentários:

Takamura disse...

Sempre quis aprender a fazer estes polvinhos de salsicha...Ainda vou aprender.

Matt disse...

Adorei a história *O*
É bem do tipo que me atrai xD

Os pratos japoneses sempre dão agua na boca... isso chega a ser tenso [/fato

E sobre a musica... eu ja conhecia, mas não sabia que era de um dorama -ss
Gosto dela.. me deu mais vontade de assistir :3

Shoujofan disse...

Que comidinhas lindas... ^_^

Tabby Kink disse...

Nossa! Seu blog está a todo vapor! Fico uns tempos sem vir e tem tanta coisa nova pra comentar!
Fiquei louca pra ver esse dorama! A ideia é ótima, parece super bacana! As comidas japonesas são muito bonitas, coloridas. Não sei se são gostosas (as comidas chinesas não são tão lindas, mas são deliciosas) mas despertam o apetite pelos olhos! XD
Valeu por trazer esses doramas ao nosso conhecimento, Lina!

lina inverse disse...

Tabby Kink, a todo vapor? Eu posto quase que só uma vez por semana. hahahaha

Eu tb fico pensando se são gostosas mesmo ou só parecem. Tenho muita vontade de provar hahahaha
Ramen eu já coi muitos anos atrás, lembro que gostei na época mas não achei nada de extraordinário. Mas fiquei mesmo com muita vontade desse arroz com peixe seco raspado por cima! Ahhh eu queroooooooo XD

Muito obrigada pelo comentário e assista esse dorama que é muito legal e é rapidinho pois só tem 25 minutos cada episódio. ^__^

Postar um comentário